"Quando se fala na sustentabilidade do planeta Terra, as pequenas mas significativas ações cotidianas de cada um, valem muito mais do que longos e evasivos discursos impregnados de proposituras que raramente são transformadas em realidade". (Prof. Zenobio Eloy Fardin)

domingo, 27 de fevereiro de 2011

Apartamento pequeno de estudante como organizar?


Meus dois filhos moram num pequeno apartamento de estudante de apenas um quarto na cidade de Santa Maria. Como criei meus filhos sem saber fazer a limpeza e organização de uma casa, agora eles estão bem atrapalhados. Então, sempre que posso estou indo lá dar uma ajuda para eles e ensinando agora o que eu devia ter feito há mais tempo... O que eu noto é que eles estão desorganizados e falta uma rotina de fazer um pouquinho a cada dia para não deixar tudo para a última hora (eu também fazia isso). Procurando na internet boas ideias, achei algumas que vou repassar para outras mães e estudantes que também passam por isso.
Apartamento pequeno precisa ser bem enxuto, ou seja, ter apenas o necessário...  Colocar o máximo possível nas paredes para aproveitá-las. Vamos ver?

Para a cozinha achei uma ideia bem interessante no blog Efetividade, um suporte de parede como da foto ao lado, que você pode comprar pronto ou mesmo fazer reaproveitando materiais, o importante é a criatividade.
Uma outra dica importante do mesmo blog é ter sempre o mesmo lugar para as coisas que a gente mais usa. Esse era um dos grandes problemas no apartamento dos meus filhos, cada vez  eles guardavam em um lugar diferente ou colocavam tudo em cima da mesa da cozinha para poder achar depois. Resultado: uma bagunça.                      

 A gente sempre tem muitas caixinhas, nelas podemos colocar remédios, material de primeiros socorros...Aquela lata bonita daquele achocolatado famoso podemos transformar num porta-lápis, para guardar canetas, marcadores de textos, borracha e outros materiais que estudante sempre tem. Uma caixa maior pode organizar apostilas, folhas de papel ofício, provas, enfim podemos reaproveitar caixas de todos os tamanhos, que são ótimas para ajudar na organização. Elas podem ser encapadas com papel ou tecido.

Já ítens estratégicos deverão estar espalhados pela casa, por exemplo, se eu uso muito tesoura para vários fins tenho que ter uma na cozinha, outra no meu local de estudo ou trabalho.Preciso ter uma caneta e papel na cozinha, na mesa do computador, no quarto...

Ter uma "caixa da bagunça" para esvaziar todo material dos bolsos, correspondência, cartões de visita, notas de compras, para posteriormente você separar o que precisa ser guardado e o que vai para o lixo ajuda bastante na organização de um lugar pequeno.E uma ideia excelente que eu vou colocar em prática logo, logo no apartamento dos meus filhos e aqui em casa é ter um arquivo de pastas suspensas para guardar as contas pagas, notas fiscais e documentos, que também pode ser feito com caixa de papelão. Todas essas dicas são excelente para ajudar não só os filhos bagunceiros, como também as mães e os pais bagunceiros. Afinal de contas a gente também tem a nossa cota...

domingo, 20 de fevereiro de 2011

Luminária de rolinhos de jornal

Belíssimas essas luminárias feitas pela designer Usha Velasco a partir de rolinhos de jornal. Segundo ela, fazendo rolinhos grossos e firmes, com uma folha inteira (das duplas), dá para montar estruturas consistentes e duráveis. As luminárias foram feitas com rolinhos fixados com cola quente como se fosse montando uma foqueira de São João.

No Ateliê do lixo, blog de Usha, você encontra maiores explicações.

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Puxa saco de garrafa pet


Por mais que a gente cuide do meio ambiente, que use sacolas de pano, sempre haverá sacolas plásticas na nossa casa. Geralmente as pessoas usam essas sacolas para colocar lixo.
Achei na internet uma ideia interessante, um puxa saco feito com uma garrafa pet de três litros. Ele é muito rápido de ser feito e talvez ajude você a organizar a sua casa.
O passo a passo para fazer o puxa saco está aqui.

Fonte de consulta e imagem: Instructables

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Sacola feita de fronha

Achei muito legal essa sacola de compras feita a partir de duas fronhas, uma para ser a sacola propriamente dita e a outra para ser o forro. Aproveite aquelas fronhas de tecido bonito e forte, que já estão um pouco velhas para uso e dê uma nova utilidade para elas.
O tutorial com a explicação passo a passo de como confeccionar essa sacola está aqui

Outra sacola de fronha
Essa outra sacola utiliza apenas uma fronha..

Fonte de consulta e imagem: Instructables

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Peças de computador antigo se transformam em bichinhos

Achei muito legal esses bichinhos feitos com peças de computador antigo. Se meus filhos fossem crianças eu faria um monte deles, mas a ideia está aí, para grandes e pequenos.
A explicação completa está aqui.

Fonte de consulta e imagem: Instructables

domingo, 13 de fevereiro de 2011

Horta vertical

Se você tem em casa roupas muito velhas que já não podem ser doadas, elas podem se transformar numa horta ou num jardim vertical. Ele é muito simples, perfeito para quem tem pouco espaço e quer temperinhos sempre à mão.
Você vai precisar de uma roupa velha (nesse caso foi usada a perna de uma calça), um forro de plástico (qualquer plástico), cascalho para irrigação, um pouco de terra (o necessário para encher os bolsos), sementes ou mudas, parafuso para pendurar a peça,  chave de fenda, agulha e linha ou uma máquina de costura.
O passo a passo você encontra aqui
Fonte de consulta e imagem: Instructables

sábado, 12 de fevereiro de 2011

O limão e a remoção de manchas


O ácido cítrico do limão é um grande agente de limpeza e tem um efeito clareador, especialmente quando exposto à luz solar. Aqui dez maneiras de remover manchas usando o limão:

1) Mergulhe metade de um limão no sal e esfregue panelas de cobre para remover manchas de oxidação.
2) Remover a ferrugem ou manchas de mofo nos tecidos, esfregue com uma pasta de suco de limão e sal. Trabalhe de forma rápida e lave a roupa imediatamente.
3) Manchas de amoras nas mãos são eliminadas rapidamente com um pouco de limão.
4) Derramou um fio de azeite na sua camisa preferida? Para remover manchas de óleo esfregar delicadamente algumas gotas de limão na mancha. Lavar a roupa imediatamente.
5) Remover manchas de café forte ou vinho branco em tecidos, coloca-se um pouco de suco de limão e pendura ao sol para clarear a mancha.
6) Elimine manchas em uma tábua de carne cortando um limão ao meio, mergulhando-o no sal de cozinha, e esfregando-o sobre a área manchada.
7) Em um momento ou outro, todos nós tivemos que lidar com uma mancha de tinta de impressora, mas limões pode salvar o dia. Comece por retirar o máximo possível de tinta com um pano , em seguida, saturar a mancha com suco de limão. Polvilhe com sal e esfregue o sal na mancha com os dedos ou uma escova de dentes velha. Lavar a roupa imediatamente.
8) Remover manchas em bancadas com limões. Esprema o suco de limão sobre a mancha e esfregue com um pano. Se isso não funcionar, polvilhe com sal e esfregue delicadamente. Você pode usar os limões em bancadas de mármore, mas apenas se for absolutamente necessário, porque os ácidos podem danificar o mármore.
9) Limpeza de manchas de utensílios de aço inoxidável pode ser feita através da aplicação de uma pasta de suco de limão e sal ou limão e fermento. Deixe a pasta descansar por cinco minutos antes de lavar e enxaguar a área manchada.
10) Os limões são ótimos removedores de manchas, mas eles têm ação de branqueamento. Quando se tratar de roupas deve-se trabalhar com rapidez e ,em seguida, lavar e enxaguar.

Detergente caseiro, econômico e sustentável:

Ingredientes
– Dois pedaços de sabão de coco
– Dois limões
– Quatro colheres de sopa de amoníaco
Modo de preparo
– Derreta o sabão, picado em um litro de água fervendo. Coloque mais cinco litros de água fria, o suco dos limões e depois o amoníaco. Dissolva bem e guarde em garrafas e embalagens de detergente líquido.
As proporções da receita fornecem seis litros de detergente caseiro.
Quanto ao amoníaco,  trata-se de um composto químico que pode ser encontrado em farmácias. Ele é biodegradável e menos agressivo ao meio ambiente, pois se decompõe com mais facilidade do que os compostos de detergentes industrializados. Atenção: ao manipular esta substância, tome cuidado com os olhos e de preferência use luvas.

Fonte: Planet Green

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Tapetes de material reciclado

Uma casa sempre fica mais bonita com um belo tapete. Se esse tapete for feito aproveitando material que normalmente iria para o lixo,  então é melhor ainda. O importante é usar a criatividade.


Feitos com camisetas recicladas
 Feitos com plástico reciclado

Feitos com tecidos recuperados

Fonte: Great Green Goods

domingo, 6 de fevereiro de 2011

Feitos com jornal

Poltrona
Lápis
Sapatilhas


Bolsas


Fonte: VivaTerra, TreeSmart, uncommongoods

Cesto de papel




Achei muito interessante o cesto de papel feito a partir de mapas antigos (sou professora de Geografia). Mas qualquer tipo de papel serve, desde que tenha uma certa consistência.
As instruções completas estão aqui.
Fonte de consulta e imagem: Craftzine

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Luminária de rosas de filtro de café

Para fazer a luminária você vai precisar de uma embalagem de desinfetante; 44 rosas de filtro de café.
Para a base, use uma embalagem de desinfetante branca (translúcida), redonda ou oval. Não servem as quadradas nem as que têm ranhuras na parte de baixo.
E mais esses outros materiais: 2m de fio; um soquete; um pino macho; um interruptor; dois parafusos pequenos com porca, para fixar o soquete; pistola de cola quente.

O passo a passo você encontra no site Invente aqui.




O passo a passo para fazer as rosas de filtro de papel você encontra aqui 





quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Arte com material reciclado

                
 “Em cada peça, proponho e provoco discussão, revisão de valores e sensibilização, com o objetivo de convidar ao engajamento aqueles que veem meu trabalho”, justifica o escultor Giovane Nazareth, que, com sucatas da construção civil, criou a peça “A vingança”.






David Mach faz esculturas em 3D com milhares de palitos de fósforos, retratando humanos e animais








“Nova York produz todos os dias 11,8 toneladas de lixo. Recibos, copos de café, luvas, latas de refrigerantes. E eu recolho tudo isso”. A frase do artista Justin Gignac não teria sentido se o que ele fizesse com o lixo recolhido não tivesse virado febre entre nova-iorquinos e turistas que circulam pela Big Apple. Ele coloca tudo em uma caixa transparente e vende por até U$100. É o lixo, nú e cru, transformado em arte.





Reutilizar é isto mesmo, é pegar em cada objeto, por mais pequeno, danificado ou inútil que seja e atribuir-lhe função, nova utilidade. Isto é o que faz a artista Britânica Jane Perkins. Com uma grande variedade de objetos do dia a dia, os quais já não têm utilidade aparente, cria quadros representando várias personalidades do mundo.












terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Inseticidas naturais

Nada como plantar para nos revigorar e repor as energias. Podemos fazer um jardim, uma horta ou plantar uma simples mudinha de flor. Como nós, as plantas precisam receber nutrientes de forma equilibrada para não adoecer. Assim nos livramos das pragas que atacam as plantas. As pragas e doenças são indicadoras de um mau manejo, ou seja, existe um desequilíbrio na alimentação da planta. O que fazer? Não quero poluir e nem degradar o ambiente, mas quero curar minhas plantas. A alternativa pode ser o uso de inseticidas naturais.
A Calda de fumo e sabão, bordalesa e sulfocálcica, emulsão de óleo, macerado de urtiga e outras receitas naturais são muito utilizadas na agricultura orgânica para combater pragas e são eficientes também no jardim.

Receitas
Calda bordalesa
É um fungicida eficaz e controla manchas nas folhagens;
Não aplique jamais em bromélias e orquídeas
Ingredientes:
1 saco de pano;
200g de sulfato de cobre;
200g de cal virgem e 20 litros de água

Modo de fazer:
Com o saco de pano prepare um sachê com o sulfato de cobre. Mergulhe o sachê em 18 litros de água por 3 ou 4 horas até que o sulfato dissolva. À parte, misture a cal em 2 litros de água e despeje na solução preparada com o sulfato dissolvido. Mexa bem.
Importante: Antes de usar a calda bordalesa, faça um teste de acidez: mergulhe uma lâmina de ferro no preparado. Se ela escurecer, não aplique ainda a calda no gramado. Acrescente um pouco mais de cal e faça o teste novamente. Caso a lâmina continue saindo manchada, adicione mais cal até que a lâmina não saia sem escurecer.
A calda bordalesa deve ser usada no máximo até o terceiro dia após o preparo. Em plantas pequenas ou em fase de brotação, não recomenda-se aplicar em concentração forte. 
Calda de fumo
A calda de fumo e sabão é um bom inseticida e ainda ajuda a combater as lagartas e pulgões;
Ingredientes:
10 cm de fumo de rolo
50 g de sabão de coco ou neutro
1 litro de água
Modo de fazer:
Pique o fumo e o sabão em pedaços, junte a água e misture bem. Deixe curtir por cerca de 24 horas. Coe e pulverize as plantas atacadas.
- Calda sulfocálcica
É  indicada no combate a ácaros e ferrugem.
Ingredientes:
100 ml de solução sulfocálcica
(encontrada em lojas de produtos agropecuários)
10 litros de água
Modo de fazer:
Misture bem e pulverize as plantas atacadas uma vez a cada 15 dias. Em época de chuvas, deve-se aplicar uma vez por semana.
- Emulsão de óleo
É usada contra cochonilhas.
Ingredientes:
2 litros de água
1 kg de sabão comum (em pedra ou líquido)
8 litros de óleo mineral
Modo de fazer:
Pique o sabão (se for em pedra), misture com o óleo e a água e leve ao fogo, mexendo sempre, até que levante fervura. A mistura vai adquirir a consistência de uma pasta. Guarde em um pote bem tampado e na hora da aplicação, dissolva cerca de 50g pasta em água morna e dilua tudo em 3 litros de água.
= Macerado de urtiga 
Espanta pulgões
Ingredientes:
11 litros de água
100 g de folhas frescas de urtiga (use luvas para manusear a planta, pois ela causa irritações na pele).
Modo de fazer:
Misture as folhas de urtiga em um litro de água. Deixe a infusão agir por 3 dias, mantendo-a em um local seco e à meia-sombra. Coe e dilua o extrato em 10 litros de água. Este preparado pode ser armazenado por alguns dias (em local seco e arejado) para pulverizações preventivas nas plantas a cada 15 dias. 
- Chá de angico
Combate as lagartas
Ingredientes:
100 g de folhas de angico
1 litro de água
Modo de fazer:
Coloque as folhas de angico de molho na água por cerca de 10 dias, misturando diariamente. Coe o chá e guarde em uma garrafa tampada. Quando for utilizar em pulverizações, dilua uma parte do extrato em 10 partes de água.
Fonte: Planeta Verde
Imagem: Antonio Machado
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...