"Quando se fala na sustentabilidade do planeta Terra, as pequenas mas significativas ações cotidianas de cada um, valem muito mais do que longos e evasivos discursos impregnados de proposituras que raramente são transformadas em realidade". (Prof. Zenobio Eloy Fardin)

sexta-feira, 16 de julho de 2010

Biomas brasileiros - Cerrado

O Cerrado se caracteriza por diversas fisionomias, são formações que variam desde o cerradão, que se assemelha a uma floresta, passando pelo cerrado mais comum no Brasil central, com árvores baixas e esparsas, até o campo cerrado, campo sujo e campo limpo com uma progressiva redução da densidade arbórea. Ali encontram-se as florestas de galeria que seguem os cursos dos rios.
  
Este bioma já cobriu 25% do território do país, principalmente no Brasil Central. As árvores caracterizam-se por serem mais baixas que as da floresta tropical, com troncos tortuosos, folhas grossas e raízes profundas que atingem o lençol d'água, elementos importantes para resistir a secas e incêndios.

A forte urbanização, grandes projetos agropecuários, produção de ferro-gusa (consumo de lenha), hidrelétricas fazem desse bioma um dos mais ameaçados. Dos 2 milhões de quilômetros quadrados originais, restam 350 mil.

Segundo o jornalista Efraim Neto, do Mercado Ético, existe um grande descaso do poder público e mesmo da população em relação a esse bioma. Segundo ele, tramita desde 1995 a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 115/95, proposta que propõe modificar o parágrafo  4º do art. 225 da Constituição Federal incluindo o Cerrado (e a Caatinga) na relação dos biomas considerados Patrimônios  Nacionais.

Enquanto a bandeira da Amazônia é levantada por vários parlamentares, poucos são os que lutam pelo Cerrado, e as poucas pessoas que lutam não conseguem sucesso ou apoio suficiente para obter resultados efetivos.

De acordo com Neto, " Enquanto outras temáticas dão visibilidade aos olhares nacionais e internacionais, o Cerrado continua sendo lembrado apenas por ser uma savana seca de árvores tortas, e ocupado em sua maioria por pobres. Dentro de 30 anos, talvez a nossa conversa possa ser outra! E infelizmente o nosso Cerrado será apenas pó de serra".

Imagem: Basta um cigarro para a fauna e a flora do cerrado ficar mais pobre - Galeria de jvc

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...